Importância da certificação dos cilindros para gases do ar

16 mar

Cilindros-de-gás-verde-amarrado

A certificação de cilindros para gases é regida, no Brasil, através da norma ABNT NBR ISO 9809, divisões 1, 2 ou 3, e especificam os requisitos mínimos para o material, projeto, construção e acabamento, processos de fabricação, inspeção e ensaios na fabricação de cilindros de aço temperados e revenidos, sem costura, recarregáveis, para gases, com capacidades de água de 0,5 litros até e incluindo 150 litros para gases comprimidos, liquefeitos e dissolvidos.

A ABNT não tem o poder de fiscalizar e nem punir aqueles que não obedecem a tais normas, no entanto, todas elas são bases para códigos específicos que regem regras estabelecidas pelas Companhias de Gases, Indústrias em Geral, Corpos de Bombeiros, sendo que as exigências servem como parâmetro técnico para os profissionais e donos de empreendimentos.

Riscos de não ter certificação

Os gases comprimidos podem ser tóxicos, inflamáveis, oxidantes, corrosivos ou inertes, em caso de vazamento, gases inertes podem deslocar rapidamente o ar em uma grande área criando uma atmosfera deficiente em oxigênio, gases tóxicos podem criar atmosferas venenosas e gases inflamáveis ​​ou reativos podem resultar em incêndio e explosão de cilindros. Além disso, existem riscos devido à pressão do gás e ao peso físico do cilindro.

Os gases comprimidos podem causar incêndios, explosões, atmosferas com deficiência de oxigênio, exposições a gases tóxicos, bem como o risco físico inato associado a cilindros sob alta pressão. Procedimentos especiais de armazenamento, uso, manuseio e descarte são necessários para garantir a segurança dos pesquisadores que utilizam esses produtos químicos e equipamentos.

Segurança com o cilindro e seu uso

Aceite apenas cilindros devidamente qualificados e identificados e não confie somente em códigos de cores. Use equipamento de segurança apropriado para o potencial de risco do gás antes de iniciar o trabalho. Se um cilindro ou válvula estiver visivelmente corroído, o fornecedor deve ser contatado para obter instruções.

Um cilindro com vazamento deve ser removido e isolado em uma área segura e bem ventilada. Pode ser necessário chamar pessoal de resposta a emergências treinado.

Se o vazamento estiver na junção da válvula do cilindro não tente consertar, em vez disso, entre em contato com o fornecedor.

homem-amarrando-os-cilindros-de-gás-verde

Armazenamento, Uso e Manuseio

Prenda os cilindros de gás adequadamente em uma área bem ventilada e protegida, longe do calor, das chamas e do sol. Cilindros segregados por classes de perigo durante o armazenamento. Interrompa o uso do cilindro quando ele tiver pelo menos 25 psi restantes; feche a válvula para evitar a entrada de ar e umidade. Devolva os cilindros vazios e não utilizados ao fornecedor para reutilização ou reabastecimento. Marque ou etiquete os cilindros vazios como “vazios”.

Todos os cilindros de gás comprimido devem ter etiquetas que identifiquem claramente o conteúdo. Os cilindros de gás comprimido devem estar sempre na posição vertical e apoiados, cheios ou vazios. Os cilindros de gás devem ter o capacete de proteção da válvula colocado, exceto quando em uso. Use carrinhos ou carrinhos de mão apropriados para mover cilindros com peso superior a 50 libras. Os reguladores e manômetros de pressão devem ser compatíveis com as válvulas do cilindro. Você não pode usar adaptadores em vez do regulador e medidor corretos.

Cilindros de gases perigosos, como amônia, sulfeto de carbono, cianeto de hidrogênio, sulfeto de hidrogênio, metilamina e óxido nítrico, devem seguir a Política de Gás Perigoso.

Não compre cilindros menores ou maiores do que o necessário; não armazene gases inflamáveis ​​próximo a uma saída ou próximo a cilindros de oxigênio; não permita que óleo ou graxa entre em contato com cilindros ou suas válvulas, especialmente cilindros contendo gases oxidantes.

A Gifel pode ajudar você a escolher o melhor modelo para o seu empreendimento com apoio de profissionais especialistas no assunto. Entre em contato e tire suas dúvidas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *