Espuma mecânica: saiba mais sobre esse recurso de combate a incêndio e suas aplicações

20 fev

Espuma Mecânica

Cada tipo de incêndio exige um tipo de cuidado diferente na hora do combate. As causas são as mais diversas e, por conta disso, as formas de supressão ao fogo também têm que ser. Para os incêndios do tipo B, que envolvem líquidos inflamáveis que liberam muita energia, como álcool, gasolina e querosene, o extintor de espuma mecânica foi desenvolvido.

Ele é feito com solução de espuma e, por isso, gera uma espuma durante a aplicação, quando ocorre aeração no esguicho. Este tipo de produto é comumente encontrado em recipientes de extintor de aço inoxidável, tanto com capacidade de 9 litros (portátil) ou para 50 litros (equipado com rodas para locomoção).

Como funciona o extintor de espuma mecânica

Este tipo de supressão a incêndios atua para resfriar e abafar o fogo em líquidos inflamáveis. A espuma que sai do extintor forma algo parecido com um cobertor, fazendo uma camada impenetrável que isola o fogo do oxigênio.

Também pode atuar contra os de classe A (materiais sólidos combustíveis). Entretanto, nunca deve ser usado em situações com equipamentos elétricos energizados (incêndio de tipo C) e em locais engordurados, como cozinhas industriais, comerciais e hospitais (incêndio de tipo K).

Depois de conhecer todas as funções e facilidades que a espuma mecânica pode oferecer, aproveite para contar com a gente, da Gifel. Com o apoio de profissionais especialistas no assunto, as escolhas para você são feitas de acordo com as suas necessidades, com orientação e instalação dos sistemas de prevenção de incêndios e ação em caso de problemas com fogo. Tire suas dúvidas entrando em contato conosco!

Curta essa página

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *